OS REAIS BENEFÍCIOS DE RELAXAR O CORPO EM NOSSO DIA-A-DIA




Desacelerar a mente e relaxar o corpo para dormir tem sido uma tarefa difícil nos dias de hoje. A ansiedade e o estresse prejudicam as pessoas no relaxamento para obter uma noite bem dormida. Existem muitas técnicas que ajudam a pessoa a relaxar, e a massagem é uma delas.

Massagem é um termo utilizado para designar quando se manipula, pressiona ou esfrega a pele com a intenção de abordar músculos, tendões ou ligamentos. Essas manobras podem ser suaves ou demandar grande pressão. Além disso, elas são benéficas para ajudar no tratamento de diversas condições de saúde, neste caso, desde que realizadas por um profissional qualificado e respeitando-se a condição do paciente.

A massagem com certeza é uma ótima maneira de escapar do estresse diário, mas estudos recentes estão mostrando que obter massagens regularmente traz benefícios em uma variedade de áreas, incluindo benefícios emocionais e físicos.

A prática da massagem também pode ser associada a outras técnicas, como a aromaterapia com o uso de óleos essenciais específicos, cromoterapia e musicoterapia, que em conjunto proporcionam benefícios gerais. 

"A escolha do tipo de massagem passa em parte pela condição de saúde que a pessoa tem e em parte pelo que ela gosta ou deseja fazer", diz Cesar Abreu Akiho, fisiatra do Centro de Reabilitação do Hospital Sírio Libanês. "A massagem pode potencializar os ganhos do tratamento convencional, mas ela não pode substituí-lo, por mais que apresente resultados sozinha", completa o especialista. São diversos os problemas de saúde e doenças que a massagem pode auxiliar no tratamento, mas é importante lembrar que antes de procurar um massagista é preciso saber a causa do problema, ter um diagnóstico, pois, dependendo do que está ocasionando os sintomas manipular a região pode agravá-los.

 

Tipos de Massagem

 

 

Abaixo, segue alguns benefícios para incorporar a massagem em seu dia-a-dia:

 

1- Massagem reduz o estresse e a ansiedade:

Uma única sessão com um massoterapeuta pode reduzir sua frequência cardíaca, diminuir a produção do cortisol (hormônio que é de extrema importância para o funcionamento perfeito do organismo) e nivelar os níveis de insulina em nosso corpo.

Um estudo publicado pelo jornal Depression and Anxiety mostrou que três meses após receber uma série de massagens de dez sessões, os pacientes analisados apresentavam metade dos sintomas de ansiedade que tinham antes. E não é só para os adultos que os benefícios foram comprovados. Um estudo realizado pelas universidades americanas de Louisville e Utah mostrou que massagens terapêuticas em bebês prematuros podem diminuir o estresse que eles estão passando por conta dos cuidados necessários nas unidades de terapia intensiva, auxiliando no processo do seu desenvolvimento.

 

2- Massagem ajuda a relaxar e combate a insônia:

Após uma sessão de massagem você vai se beneficiar com uma série de respostas químicas do cérebro que incentivam sensações de relaxamento, diminuindo o estresse e melhorando até seu humor.

Para quem tem insônia, as massagens mais suaves e que promovem o relaxamento são mais indicadas. Bons exemplos são a massagem relaxante - que faz uso de movimentos deslizantes e leves, com uso de óleos aromáticos, o que proporciona uma sensação de conforto e descanso - e o shiatsu, que faz parte da medicina chinesa e promove o relaxamento, liberação dos pontos de tensão muscular e melhora da função dos órgãos internos.

 

3- Massagem melhora a postura:

A massagem pode ajudar seu corpo para reforçar movimentos saudáveis e naturais, contribuindo para corrigir problemas de postura.

 

4- Massagem melhora a circulação:

A pressão da massagem pode mover o sangue através do corpo para os músculos que precisam de cuidados especiais, pode curar locais tensos e é capaz de remover resíduos metabólicos. O fato da massagem movimentar certas partes do corpo traz diversos benefícios, principalmente para a circulação, que pode ser beneficiada por diferentes tipos de massagem. Isso porque "a massagem, em geral, ajuda na circulação e causa vasodilatação, melhorando o aporte sanguíneo", afirma o cirurgião vascular Eduardo Toledo Aguiar, diretor clínico da Spaço Vascular e professor livre-docente de Cirurgia Vascular da Universidade de São Paulo (USP).

 

5- Reduz o Inchaço:

O benefício de ativar a circulação contribui para a redução do inchaço (edema) da região massageada. "Para ativar a circulação, a massagem deve ser realizada de modo que comprima a região massageada da extremidade para o centro do corpo. Desta forma é possível ativar o sistema linfático, atuando na movimentação dos líquidos para os coletores linfáticos principais, diminuindo o inchaço e desconforto das extremidades do corpo", explica Sidney Galego, cirurgião vascular do Hospital e Maternidade Brasil. Nestes casos, normalmente, é utilizada a drenagem linfática, que ajuda na redução da , ativação da circulação sanguínea, combate à celulite e relaxamento corporal.

 

6- Massagem reduz a pressão arterial:

Pesquisas afirmam que a massagem pode reduzir a pressão arterial diastólica e sistólica.

 

7- Massagem relaxa os músculos:

Ficar sentado por muito tempo pode causar dores crônicas nas costas. A massagem pode ajudar com a dor persistente relaxando os músculos da região.

Para que a massagem seja efetiva como tratamento auxiliar, é importante que se identifique a causa do problema. Mesmo nos casos de tensão, há diferença quando ela é ocasionada pelo estresse ou é uma tensão muscular. "A tensão muscular irá responder melhor a massagens mais profundas, com mais energia e pressão. No entanto, se for causada por estresse, a massagem relaxante pode ter um efeito mais satisfatório", explica o fisiatra Cesar Abreu Akiho, do Centro de Reabilitação do Hospital Sírio-Libanês.

 

8- Massagem melhora a flexibilidade:

O sedentarismo e a idade podem fazer as articulações ficarem menos flexíveis, por isso, a massagem é uma ótima terapia para ajudar a melhorar a fluidez e amplitude de movimento nas articulações e nos tecidos conjuntivos.

 

9- Massagem ajuda a respirar melhor:

E possível, através da massagem, descontrair a respiração, realizando o relaxamento de músculos da parte superior do corpo.

 

10- Massagem alivia dores de cabeça:

Muitos problemas de dores de cabeça podem ser resolvidos com a massagem. Uma das principais vantagens é que a massagem reduz a chance de desenvolver uma dor de cabeça no futuro, relaxando os espasmos musculares e pontos de disparo.

 

11- Massagem fortalece o sistema imunológico:

Estudos têm demonstrado que realizar massagem regularmente pode melhorar o funcionamento imunológico geral do seu corpo.

 

12- Diminui a dor nas costas:

É importante ressaltar que, a pessoa com dor nas costas, jamais deve procurar tratamento com massagem antes de ter o diagnóstico da causa da sua dor para não atrapalhar o tratamento e até piorar os sintomas. "As dores nas costas que geralmente respondem melhor à massagem são as de origem mecânica e inespecífica, em que os exames não conseguem localizar a causa, que se aplica a maior parte das lombalgias", diz o fisiatra Akiho. Um estudo publicado no jornal Annals of Internal Medicine mostra que as massagens (estrutural ou relaxante) ajudam nas dores e na funcionalidade da movimentação de pessoas com dores crônicas na região baixa das costas mesmo seis meses após o tratamento. Os participantes receberam uma massagem semanalmente, com duração de uma hora cada.

 

13- Diminui as dores no corpo:

Dores neurofaciais, dor de cabeça, dor nas pernas, dor muscular e várias outras dores podem ser beneficiadas ou não pela massagem, tudo depende da causa deste sintoma. "Se a pessoa tem uma infecção ou neoplasia, por exemplo, há o risco da doença se disseminar, se há uma aterosclerose das artérias cervicais o risco é de que com a manipulação uma placa acabar se soltando e causar um AVC e, se massagear uma perna com trombose, há o risco de embolia pulmonar", alerta Akiho. No demais casos, segundo o especialista, dores musculares normalmente reagem melhor a massagens mais vigorosas e profundas. Já as dores neurofaciais podem ser reduzidas com uma manipulação facial. Caso seja um atleta, a massagem pode ser realizada com movimentos rápidos.

 

14- Auxilia no tratamento contra a Depressão:

"Para que a massagem auxilie no tratamento da depressão é necessário que o paciente se sinta confortável durante a prática. Os estudos demonstram resultados semelhantes para os diversos tipos de massagem, das mais relaxantes até as que aplicam maior pressão, dependendo da vontade da pessoa", diz o fisiatra.

 

15- Auxilia no tratamento contra o câncer:

Um estudo orientado pela College Associates, organização norte-americana que investiga o efeito de terapias complementares para o Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, mostrou que uma boa massagem se mostra eficaz no tratamento contra o câncer.

Depois do acompanhamento de 97 voluntários com diferentes tipos de câncer e em estágios variados, os pesquisadores constataram que a massagem tem um profundo impacto na qualidade de vida de quem enfrenta um tumor. Uma sessão de 20 minutos de massagem já seria o suficiente para reduzir pela metade a ansiedade e as dores dos pacientes.

Os mecanismos que fazem da massagem um suporte eficaz não foram totalmente esclarecidos, mas os cientistas acreditam que é porque ela aumenta a liberação de substâncias como a serotonina e a dopamina, responsáveis por reduzir a transmissão do impulso doloroso para o sistema nervoso central. Além disso, a massagem distrai e tira o foco da atenção e do incômodo da doença.

De acordo com os pesquisadores, não é necessário um especialista ou massoterapeuta para que os resultados sejam atendidos. Com noções básicas, pais, filhos, irmãos, parceiros e amigos podem colaborar com a recuperação do paciente, dedicando alguns minutos do dia, três vezes por semana, ao contato fitoterápico.

Outras pesquisas, como as conduzidas pela American Massage Therapy Association, já haviam demonstrado que a massagem é grande aliada ao combate a vários tipos de incômodos. Por exemplo, a técnica realizada nos pés, ou superficialmente pelo corpo, por um tempo médio de 30 a 60 minutos, reduz dor, fadiga, náusea, tristeza e depressão.

Como o efeito tem duração de 48 horas, se for administrada a cada dois dias, no mínimo, pode ser altamente eficiente. Apesar dos benefícios, nem todo paciente que enfrenta um câncer pode desfrutar da massagem. Naqueles indivíduos, cujo tumor se espalhou pelos ossos, os pesquisadores explicam que qualquer contato pode ser suficiente para provocar fraturas e lesões no corpo.

Além disso, é importante que se observe se o paciente correrá risco de infecção ou sangramento, através da contagem das plaquetas de um hemograma simples. Portanto, o acompanhamento médico é fundamental em qualquer tipo de tratamento, seja ele feito por meio de remédios ou através de massagem.

 

 

Referências:

Saiba as diferenças entre os vários tipos de massagem. Disponível em: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/saiba-as-diferencas-entre-os-varios-tipos-de-massagem.ghtml Acesso em: 16/12/2018

10 bons motivos para você fazer massagem. Disponível em: https://daguanatural.com.br/10-bons-motivos-para-voce-fazer-massagem/ Acesso em: 16/12/2018

Nove problemas de saúde que a massagem ajuda a tratar. Disponível em: https://www.minhavida.com.br/saude/galerias/20202-nove-problemas-de-saude-que-a-massagem-ajuda-a-tratar Acesso em: 16/12/2018

Seis tipos de massagem para aliviar o estresse. Disponível em: https://www.minhavida.com.br/bem-estar/galerias/476-seis-tipos-de-massagem-para-aliviar-o-estresse Acesso em: 16/12/2018

Massagem é aliada no tratamento do câncer. Disponível em: https://www.minhavida.com.br/bem-estar/noticias/11136-massagem-e-aliada-no-tratamento-do-cancer Acesso em: 16/12/2018